Japão#4

E continuando a nossa aventura por terras japonesas, ainda falta muito para contar tudo, e espero não vos aborrecer com tanta foto e informação! Mas gostei tanto destas férias que quero deixar-vos o bichinho para um dia lá irem. Eu, sem dúvida alguma, adorava lá voltar😃
Os dias de sol foram uma benção e fizeram com que tudo ficasse ainda mais bonito, foi o caso deste dia, em que fomos visitar os Jardins do Imperial Palace.
O nosso dia começou assim...
Good morning, sunshine!
Os manos ajudavam a empurrar o carrinho da Baby M.,
Pelo caminho, encontrámos uma visita de estudo de uma escola japonesa, e em vez de utilizarem autocarro, vão assim..
Finalmente chegámos...
A entrada é gratuita mas é entregue esta ficha à entrada...
E depois é ter a sensação que se está num filme de ninjas ou samurais... Cá de fora ouviamos os sons dos treinos! Devia ser treino militar ou uma academia...
E prosseguir viagem porque vale muito a pena...
As casas dos guardas antes de chegar ao palácio imperial,
O mapa do jardim.,. Todo rodeado de água...
E para não variar, as cerejeiras em flor...
Nestes jardins podem fazer picnics, 
E já acabámos a visita...
Fora dos jardins, a vista é muito bonita...
E com este passeio tão longo, já era hora de almoço. Decidimos escolher um dos três restaurantes portugueses que existem em Ginza, Adega Vilamoura,
Mas apesar de muitos elementos portugueses, foi uma decepção total porque era um restaurante luso-japonês, 
A ementa em português..
A comida foi uma versão completamente diferente do que podia imaginar, porque o aspecto até tinham semelhanças, mas o sabor não, o belo do bitoque,
Peixe cozido com legumes,
E o arroz de polvo para a Susy Paula,
Valeu pela sobremesa e pelo café,
Mas quem me manda a mim ir a um restaurante português no Japão? Mas a saudades são tantas que não resisti😝!
De barriguinha cheia, seguimos viagem para uma zona muito conhecida em Tóquio, Shibuya Crossing, vale a pena vir ver o tráfego desta junção de ruas...
É uma zona muito movimentada de vendedores, estudantes, jovens casais, turistas. Quando as luzes ficam vermelhas nesta junção super ocupada, todas as luzes viram vermelhas ao mesmo tempo em todas as direcções. Os carros param completamente e os peões surgem em todas as direcções de todos os lados.
É possível observar este momento caótico no Starbucks no Edifício Tsutaya,
Ouvimos dizer que haviam bolas de berlim por aqui, mas não conseguimos encontrar!
É uma passagem obrigatória para quem visita Tóquio!
E por hoje é tudo! 
Voltar para o hotel que a Baby M. Já dorme...

Comentários

  1. Ficamos encantados com esta digressão e com tanta e boa informação. Obrigada.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Pão de Alho

Pão Doce

Pataniscas de bacalhau no forno